Menu
Senac São Paulo
Busca

Pós-graduação

Engenharia de Segurança do Trabalho

Formato: presencial

Objetivo
O curso visa especializar profissionais para estabelecer ações estratégicas que possibilitem fazer a gestão das condições e dos ambientes de trabalho, com o objetivo de prevenir a ocorrência de acidentes, perdas e danos pessoais, produtivos e patrimoniais, assim como agregar valor aos processos operacionais e às características de melhoria contínua.

Carga horária: 662 horas

Atuação no mercado de trabalho
O engenheiro de Segurança do Trabalho poderá atuar em consultorias, empresas privadas e públicas, órgãos públicos de administração direta e indireta, que possuam empregados regidos pela Consolidação das Leis Trabalhistas - CLT.

Dessa forma, há demanda de trabalho para o engenheiro de Segurança do Trabalho na indústria da construção civil, indústrias químicas e petroquímicas, siderúrgicas, metalúrgicas, mineradoras, etc. Também existe possibilidade de assessorar empresas na implantação e implementação de sistemas de segurança e saúde no trabalho, auditorias e perícias judiciais.

Panorama de mercado
O cuidado com a segurança do trabalhador avançou, principalmente, a partir das transformações que vem ocorrendo no mercado de trabalho, ocasionadas pelo incremento tecnológico, crescimento da economia no país e pela globalização. As empresas estão cada vez mais se preocupando com segurança e a qualidade de vida de seus colaboradores, destacando-se no mercado as instituições que se preocupam com a prevenção de acidentes e satisfação dos funcionários. Acompanhando essas tendências, existe a necessidade de melhoria na infraestrutura aeroportuária, ferroviária, rodoviária, de energia e imobiliária para atender a demanda interna de bens e serviços, como da logística de importação e exportação em virtude do crescimento do Produto Interno Bruto do país.

A necessidade quanto à formação, capacitação e qualificação de profissionais para o mercado brasileiro em franca ascensão com relação às necessidades de produção e o aumento do PIB brasileiro e a experiência acumulada durante todos esses anos, permite que o Centro Universitário Senac se empenhe em formar profissionais que sejam capazes de contribuir para a preservação da integridade física do trabalhador nos ambientes de trabalho e minimização de perdas financeiras nas empresas.
Público-alvo: Este curso destina-se a Arquitetos e/ou Urbanista ou Engenheiro de qualquer modalidade.
Pré-requisito: Portadores de diploma de graduação em Arquitetura ou Engenharia.
Obs: Não são aceitos certificados de cursos sequenciais.
Proposta metodológica:
As estratégias pedagógicas adotadas para o desenvolvimento do curso proporcionam participação ativa dos alunos e condições de especializarem-se por meio de atividades nas aulas, estudos de caso, relatórios técnicos, atividades práticas e simulações de contextos reais.

Trabalho de Conclusão de Curso:
O TCC poderá ser elaborado em grupo ou individualmente e serão aceitos trabalhos de conclusão de curso em formato de monografia. Os temas para os trabalhos serão propostos pelos alunos, devendo contemplar temáticas articuladas nos componentes curriculares do curso, que serão submetidos à aprovação da coordenação e dos docentes especialistas.
Pós-graduação lato sensu - Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho (certificado expedido pelo Centro Universitário Senac).
Inscrições abertas de:  2 de maio a 1º de agosto de 2016.
Taxa de inscrição:  R$ 50,00

Veja as etapas do processo seletivo de pós-graduação
Para candidatos brasileiros:
- 1 cópia (frente e verso), e o original do diploma de graduação devidamente registrado segundo as normas do MEC (Certificado de curso sequencial não corresponde a diploma de graduação nem permite matrícula em cursos de especialização ou cursos de pós-graduação stricto sensu). O diploma de graduação poderá ser provisoriamente substituído por atestado ou declaração que comprove que o candidato concluiu o curso e colou grau, mencionando a data em que a colação ocorreu. Diplomas emitidos por instituições estrangeiras devem ser revalidados nos termos da legislação brasileira (o diploma de graduação pode ser provisoriamente substituído por atestado ou declaração que comprove que o candidato concluiu o curso e colou grau, mencionando a data da colação), além da portaria de autorização ou reconhecimento do curso expedida pelo MEC;
- 1 cópia (frente e verso) da carteira de identidade (RG);
- 1 cópia (frente e verso) do Cadastro de Pessoa Física (CPF);
- 1 foto 3x4 recente.

Para candidatos estrangeiros residentes no Brasil:
- 1 cópia autenticada do diploma de graduação (com autorização consular e tradução juramentada, exceto se estiver em língua espanhola);
- 1 cópia da Carteira de Identidade de Estrangeiro (RNE) e CPF;
- 1 foto 3x4 recente.

Para candidatos estrangeiros não-residentes no Brasil:
- 1 cópia autenticada do diploma de graduação (com autorização consular e tradução juramentada, exceto se estiver em língua espanhola);
- 1 cópia do passaporte e do visto de permanência no país;
- 1 cópia de plano de seguro que garanta a cobertura de despesas médico-hospitalares e de repatriação;
- Declaração de proficiência em língua portuguesa, assinada por professor habilitado;
- 1 foto 3x4 recente.

Selecione a unidade de seu interesse e faça a inscrição on-line

Quer ser informado sobre novas turmas?
 

Outras informações sobre este curso

Conheça os outros cursos
ligados à área:
Tags
pós-graduação em engenharia de segurança do trabalho, especialização em segurança do trabalho, especialização em engenharia de segurança do trabalho, especialização em engenharia de segurança, pós graduação em engenharia de segurança do trabalho, pós graduação em engenharia de segurança, curso de engenharia de segurança, especialização em segurança, curso de especialização, pós em segurança do trabalho, engenharia de segurança, pós em engenharia, engenharia do trabalho, gerenciamento de riscos, higiene ocupacional, eng seg trab, ergonomia, EPI, EPC, legislação e normas técnicas, proteção do meio ambiente, prevenção e controle de riscos em máquinas e equipamentos, SST, ST, lato sensu segurança trabalho, sistema de segurança e saúde no trabalho, SESMT, Senac, FAP, Fator acidentário previdenciário, CREA, Saúde do Trabalhador, higiene do trabalho, riscos físicos, químicos e biológicos, proteção contra incêndio, sistemas de segurança, equipamentos de segurança, doenças do trabalho, acidente de trabalho, engenharia de SST, pós graduação em engenharia de SST, pós graduação em engenharia de segurança do trabalho senac, engenharia de segurança do trabalho senac.



 Fale Conosco
0800 883 2000
© 2016 Senac São Paulo