Home > Notícias
14/07/2017 15h13min

Peeling? Só se for no inverno!

Docente do Senac Botucatu fala sobre os benefícios e os cuidados necessários para esse procedimento estético.

profissional, com luvas azuis, limpa a pele da paciente com algodão

Pele uniforme, luminosa e hidratada. Esse é o desejo de muitas pessoas. E se, além desses benefícios, puder se olhar no espelho e sentir seu rosto rejuvenescido e com as linhas de expressão suavizadas?

Isso pode até parecer uma propaganda de algum creme milagroso, mas não é. É apenas um alerta sobre o procedimento estético mais procurado nessa época do ano. Estamos falando do peeling.

Muito se fala, mas existem dúvidas sobre esse tratamento estético. Por isso, Valderesa Ap. de Oliveira Butignoli, graduada em estética e cosmética, que atua como docente do Senac Botucatu, explica como funciona, quais as vantagens, efeitos e  cuidados antes e depois das sessões.

O que é o peeling? 
A palavra vem do verbo inglês to peel, significando pelar, descamar, esfolar, desprender. É uma forma acelerada de esfoliação induzida por diversos agentes, promovendo renovação da pele.

Qual o público desse procedimento?
A maior procura é de mulheres na faixa etária dos 30 aos 60 anos.

Quais os tipos de pele podem receber essa técnica?
Todos os tipos de pele podem receber o procedimento, desde que avaliadas com antecedência.

E quais os principais efeitos?
Como estimula a produção de colágeno, esse processo tem o poder de suavizar linhas de expressão, provocar a uniformidade, reduzir cicatrizes e manchas, melhorar o aspecto oleoso e amenizar a acne, já que atua no controle da produção sebácea. 

Por que é o inverno é ideal para esse tratamento?
Como há a descamação da pele, há um afinamento, deixando-a mais sensível. Para protegê-la, é preciso um clima mais ameno e menos incidência de sol.

Onde podem ser feitos?
Os peelings são praticados em consultórios dermatológicos e também em clínicas de estéticas de forma diferenciada. Os feitos por médicos podem atingir níveis mais profundos em relação aos estéticos.
Já os realizados por esteticistas são de nível superficial. Sua eficácia se dá pelo número de sessões realizadas, que variam de acordo com cada biótipo (características de cada pele).

Quais os tipos de peeling?
Químico: realizados pela ação queratolítica (quebra da queratina existente na pele) por meio de ativos como ácido glicólico, salicílico, mandélico, málico, entre outros.

Mecânico: feito por meio de dermoabrasão (lixamento cirúrgico da pele - procedimento cirúrgico no qual remove-se ou lixa-se a pele com um instrumento abrasivo rotatório ou lixas d’água, melhorando a superfície da pele e proporcionando uma aparência mais lisa).  Ou com equipamentos, seja peeling de cristal ou de diamante, que farão uma esfoliação superficial ou mais profunda de acordo com a pressão exercida pelo profissional no momento da aplicação.

Físico: mais conhecidos como esfoliantes, responsáveis pela retirada de células mortas, sem a dependência de reações químicas.

Qual a frequência ideal?
Para os peelings superficiais, o intervalo entre as sessões varia de acordo com o tratamento desejado e avaliação prévia do profissional, podendo ser 1 vez por semana ou a cada 15 dias.

Existem contraindicações?
Sim, peles lesionadas, com alergias ativas, herpes e rosácea devem ter mais cuidado, já que suas características podem alterar a profundidade de ação do peeling, causando reação ou piorando o quadro.

Há reações?
Sim, é provável. Vermelhidão, descamação e pele levemente áspera. 

Quais as precauções a serem tomadas antes do peeling?
Quem utiliza ácidos em casa deve suspender o uso uma semana antes do procedimento e manter a pele bem hidratada.

E as que que devem ser depois do peeling?
O profissional irá avaliar e indicar produtos para serem usados em casa que auxiliarão na melhora da pele. O uso de hidratantes ou fluídos calmantes ajudam a melhora dos incômodos, e é extremamente importante o uso de filtro solar diariamente e sempre reaplicá-lo.

Qual profissional pode aplicar esse procedimento? 
Formados em curso técnico ou superior em estética, e com especialização nessa área, dermatologista, fisioterapeutas com especialização em dermato-funcional, biomédico com especialização em biomedicina estética.

Qual o local adequado? Clínica ou consultório médico?
Ambos são aptos para a realização deste procedimento. Mas, é imprescindível observar a limpeza e a organização do ambiente, assim como o estado dos equipamentos e paramentação (vestimentas adequadas) do profissional, como o uso de jalecos, máscara e luvas.

Quanto custa cada sessão?
Os valores variam bastante, de acordo com a técnica e a região em que será realizada. Mas, em média, são de 80 a 120 reais por sessão.


Valderesa Ap. de Oliveira Butignoli é técnica em estética formada pelo Senac São Paulo, com graduação em estética e cosmética, pela Universidade Braz Cubas, docente do curso Técnico em Estética no Senac Botucatu. Fez cursos de especialização em técnicas avançadas de peeling, peeling de impacto, bambuterapia, massagem estética modeladora, eletroterapia, reflexoloxia, pedras quentes, candle massage. 


Conheça os cursos  de graduação 
Tecnologia em Estética e Cosmética, Bacharelado em Estética e Cosmética, de pós-graduação Cosmetologia Aplicada à EstéticaTécnico em Estética e os cursos livres Técnicas Avançadas de Peelings  e  Manipulação de Peelings em Farmácias.


Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica.

Notícias relacionadas:
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade
- Drenagem linfática: suavidade, harmonia, ritmo e flexibilidade


Tags: Senac São Paulo, curso de peeling, dermoabrasão, descamação da pele revitaliza, estética e cosmética estudo, faculdade de estética, o que é peeling, peeling de cristal, peeling de diamante, peeling e a produção de colágeno, peeling mecânico, peeling para evitar envelhecimento, peeling químico, peeling rejuvenece, peeling renova a pele, pelling profundo, preço do peeling, procedimento estético com peeling, quem faz peeling


Últimas notícias

20/01/2020
13/01/2020
10/01/2020
Senac Catanduva comemora 40 anos de atuação
02/01/2020
Quais são os caminhos para inovar e empreender?
02/01/2020
Senac Presidente Prudente oferece programação com cursos de férias
02/01/2020
Cursos de férias estão com inscrições abertas no Senac São José do Rio Preto
20/12/2019
8 dicas para equilibrar as contas e começar a guardar dinheiro
20/12/2019
Saiba como cuidar da pele e dos cabelos no Verão
20/12/2019
Laboratório Novas Histórias integra roteiristas para discutir produção audiovisual
19/12/2019
Senac São Paulo recebe o prêmio Fornecedores de Confiança 2019
19/12/2019
Alunos e docente do Senac se destacam no Prêmio DuPont 2019
18/12/2019
Centro Universitário Senac abre processo seletivo para professores
17/12/2019
Cursos de férias estão com inscrições abertas no Senac Guaratinguetá
17/12/2019
Centro Universitário Senac e AWS capacitam alunos na área de computação em nuvem
10/12/2019
Aluno e ex-aluno têm 50% de desconto na Editora Senac São Paulo
09/12/2019
Mais de 11 mil alunos passam por oficina de empreendedorismo
06/12/2019
Descontos Senac
04/12/2019
Projeto com minhocário do Senac Guarulhos recebe prêmio em Semana do Conhecimento
02/12/2019
Nutricionista e chef defendem que cozinhar ajuda a ter rotina saudável
29/11/2019
Férias com Leitura: explore o catálogo das bibliotecas do Senac São Paulo

Próximos Eventos

Instagram (@senacsaopaulo)