Home > Notícias
28/06/2016 10h45min

Em Campos do Jordão, um marco no turismo da cidade, do Estado e do país

Fachada do hotel, em Campos do Jordão, SP, 1940. Autoria: Henrique Becherini. Reprodução: Gabriel Cabral

Fachada do hotel, em Campos do Jordão, SP, 1940. Autoria: Henrique Becherini. Reprodução: Gabriel Cabral

Cobiçado destino turístico, principalmente no inverno, Campos do Jordão (SP) nem sempre teve esse perfil. Por décadas, a cidade recebeu pessoas doentes vindas de várias partes do Brasil. Os altos níveis de oxigênio, as baixas temperaturas e a consequente concentração de sanatórios – estabelecimentos para sanar problemas de saúde – tornaram a região referência no tratamento de doenças pulmonares, como a tuberculose. Foi na década de 1940, com a evolução dos processos de cura, que o período conhecido como Ciclo da Moléstia começou a dar lugar ao Ciclo do Turismo.

Ascensão e queda
O Grande Hotel nasceu nessa fase de transição, bem antes de virar hotel-escola Senac. Sua construção teve início como parte do investimento maciço do então interventor federal em São Paulo, Adhemar de Barros, no desenvolvimento turístico da cidade. Após contratempos relacionados à Segunda Guerra Mundial que atrasaram as obras, o luxuoso edifício de 6,7 mil metros quadrados foi inaugurado pelo governo do Estado em setembro de 1944. Um ano depois, a instalação de um cassino tornou o hotel pioneiro, atraindo outros estabelecimentos para a cidade, alguns de classe internacional. A exploração de jogos ocorreu até 1946.

Não por coincidência, foi no GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO que, nos anos 1960, a Federação do Comércio do Estado de São Paulo promoveu o 1º Congresso Nacional do Turismo, que resultou na criação do Instituto Brasileiro de Turismo (Embratur).

Por volta de 1970, um duro golpe: após décadas sendo referência de requinte e glamour e funcionando em regime de arrendamento, o Grande Hotel entrou em decadência e fechou as portas.

Recomeço
Um novo capítulo começou a ser escrito no início dos anos 1980, quando o governo do Estado ofereceu o GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO ao Senac São Paulo, em regime de comodato, para o funcionamento de mais um hotel-escola – a exemplo do que já ocorria com o GRANDE HOTEL SÃO PEDRO, em Águas de São Pedro.

Muitas negociações depois, um evento no Palácio dos Bandeirantes marcou, em 1986, a doação do patrimônio do hotel ao Senac. No ano seguinte, teve início o grande projeto de reforma e ampliação para recuperar o prédio e realizar mudanças estruturais, mantendo o charme arquitetônico original. O antigo hotel-cassino renasceria diferente, transformado em um hotel-escola de alto padrão para formação de profissionais de hotelaria, turismo e gastronomia.

Primeiros cursos
Com o término das obras do Centro de Formação Hoteleira – em prédio anexo ao Grande Hotel – em 1996, foram oferecidos os primeiros programas de pós-graduação: Administração Hoteleira; Planejamento e Marketing Turístico; e Turismo Ambiental. Um ano depois, começaram os cursos técnicos em Turismo; Nutrição e Dietética; e Serviços de Hospedagem; assim como os profissionalizantes Cozinheiro Básico e Garçom Básico, entre outros. Essa programação atendeu, em menos de dois anos de funcionamento, a mais de 500 pessoas.

O novo Grande Hotel
As portas do agora GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO – HOTEL-ESCOLA SENAC foram oficialmente reabertas em 24 de junho de 1998, com avançadas instalações didático-pedagógicas e completa infraestrutura turística. O relançamento teve reflexos positivos na economia da cidade, impactando principalmente os mercados imobiliário e comercial.
Com sua qualidade reconhecida ao longo dos anos por prêmios estaduais e nacionais, chegou a figurar, em 2014, como um dos 25 melhores hotéis do país segundo o site de viagens TripAdvisor.

Hoje, após 18 anos de operação comercial de excelência, amparado como centro educacional de referência, o complexo é motivo de orgulho para o Senac, por sua contribuição ao desenvolvimento econômico, social e educacional de Campos do Jordão e por continuar escrevendo novos capítulos na história da hotelaria brasileira.

GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO - HOTEL-ESCOLA SENAC

  • Fachada do hotel. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Hóspedes na área externa do hotel em momento de lazer. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Varanda do hotel. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Hall do hotel. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Sala de estar do hotel. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Bar do hotel. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Barbearia do hotel. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Salão de beleza do hotel. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Suíte do hotel. Campos do Jordão, SP, 1940.<br />Autoria: Henrique Becherini.<br />Reprodução: Gabriel Cabral.
  • Fachada do hotel. Campos do Jordão, SP, 1981.<br />Autoria: não identificada.
  • Interior do hotel. Campos do Jordão, SP, 1981. <br />Autoria: não identificada.
  • Governador do Estado assina termo de doação definitiva para Senac São Paulo do GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO e do GRANDE HOTEL SÃO PEDRO. São Paulo, SP, 8 de dezembro de 1986.<br />Autor: Gabriel Cabral.<br />Pessoas na foto: À frente, André Franco Montoro – Governador do Estado de São Paulo. Da esquerda para a direita, segunda e terceira autoridades, respectivamente, Abram Szajman – Presidente da Federação do Comércio do Estado de São Paulo e Presidente dos Conselhos Regionais do Sesc e Senac, e Luiz Francisco de A. Salgado – Diretor Regional do Senac São Paulo.
  • Canteiro de obras do futuro hotel-escola. Campos do Jordão, SP, 9 de março de 1990. <br />Autoria: Gabriel Cabral.
  • Vista aérea durante reforma do futuro hotel-escola. Campos do Jordão, SP, 1992.<br />Autoria: não identificada.
  • Hotel no dia da inauguração. Campos do Jordão, SP, 24 de junho de 1998.<br />Autoria: não identificada.
  • Sala de estar do hotel. Campos do Jordão, SP, 2008.<br />Autoria: Tuca Reinés.
  • Restaurante Araucária do GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO, HOTEL-ESCOLA SENAC. Campos do Jordão, SP, 2011.<br />Autoria: Erico Iannarelli.
  • Bar da Lareira do GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO, HOTEL-ESCOLA SENAC. Campos do Jordão, SP, 2013.<br />Autoria:  Eduardo Leal Girão.
  • Restaurante do GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO, HOTEL-ESCOLA SENAC. Campos do Jordão, SP, 2013.<br />Autoria: Eduardo Leal Girão.
  • Arte da Pizza do GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO, HOTEL-ESCOLA SENAC. Campos do Jordão, SP, 2013.<br />Autoria: Eduardo Leal Girão.
  • Teatro do hotel. Campos do Jordão, SP, 2013.<br />Autoria: Eduardo Leal Girão.
  • Suíte Diplomata do GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO, HOTEL-ESCOLA SENAC. Campos do Jordão, SP, 2013.<br />Autoria:  Eduardo Leal 
Girão.
  • Capa de um folheto de divulgação do hotel anterior à doação ao Senac São Paulo.  Campos do Jordão, SP, anos 1970.<br />
  • Convite para inauguração do GRANDE HOTEL CAMPOS DO JORDÃO e da Faculdade Senac de Turismo e Hotelaria. Campos do Jordão, SP, 1998.<br />
 

Em comemoração aos 70 anos de criação do Senac, o Centro de Memória Senac São Paulo produziu uma série de textos que serão publicados ao longo de 2016. Descubra ou relembre alguns fatos que marcaram essa trajetória.

Se tiver alguma informação ou foto sobre o tema, entre em contato conosco (centro.memoria@sp.senac.br).

 Você também constrói esta história!

Notícias relacionadas:
- Dia de festa na cidade. Dia de desfile com banda tocando
- Dia de festa na cidade. Dia de desfile com banda tocando
- Um modelo educacional para conversar com a sociedade
- Um modelo educacional para conversar com a sociedade
- Pausa para o cafezinho – uma história do Senac São Paulo
- Senac nas ondas do rádio
- Conheça curiosidades dos primeiros anos do Senac São Paulo
- Senac 70 anos - como tudo começou


Tags: 70 anos do Senac, Grande Hotel Senac, história do senac, trajetória de 70 anos


Últimas notícias

14/12/2017
14/12/2017
13/12/2017
Campeonato lúdico estimula raciocínio lógico entre aprendizes
13/12/2017
Campanha de alunos incentiva doação e beneficia estoques de sangue no interior
13/12/2017
Desfile leva looks inspirados no tema Paz e Amor para a passarela
13/12/2017
PPRA: docente explica programa essencial para a saúde do trabalhador
12/12/2017
De Olho no Lixo: aprendizes criam projeto sobre descarte consciente
12/12/2017
Estética: possibilidades de formação e atuação em um mercado em constante crescimento
08/12/2017
Alunos conferem processo de remediação durante visita a área contaminada
08/12/2017
Férias com Leitura: explore o catálogo das bibliotecas do Senac São Paulo
08/12/2017
Senac São Paulo é uma das melhores empresas para trabalhador com deficiência em 2017
07/12/2017
Senac Araçatuba celebra 40 anos
07/12/2017
Encontro sobre marketing nutricional alerta sobre rótulos e industrializados
06/12/2017
Alunos reforçam habilidades em TI e vivenciam profissão em projeto para ONG
05/12/2017
Alunos de enfermagem levam mais cor, integração e conforto a hospital psiquiátrico
05/12/2017
Centro Universitário Senac - Águas de São Pedro divulga lista de aprovados para o curso de Garçom
04/12/2017
Alunas se destacam no Prêmio DuPont com projetos de segurança no trabalho
01/12/2017
Empresa que serve mais de 800 refeições por dia abre cozinhas para alunos
30/11/2017
Centro Universitário Senac realiza neste domingo provas do vestibular 2018
30/11/2017
Senac São Paulo apoia o Dezembro Vermelho

Próximos Eventos

Exposição: Ugo Castellana - costurando memórias
Senac Vem
Mostra Design Scipião 2017
Atendimentos: Manicure e Pedicure
Poéticas Negras
Professor Lado B: Dani Agostini – Mina, Mahdieh e outras mulheres
Exposição: Respirarte
Exposição: Natal de Todas as Cores