Home > Notícias
25/05/2016 18h52min

Ressignificação: processo motiva a sustentabilidade na moda

Xícara azul ora contendo flores ora com lápis ora com escovas de dente ou com bolo

Ressignificação é o método utilizado em neurolinguística para atribuir um novo significado a acontecimentos a partir da mudança da visão de mundo. Para isso, utiliza técnicas com o objetivo de fazer com que as pessoas percebam a realidade de maneira mais agradável, proveitosa e eficiente.

“O significado de todo acontecimento depende do filtro pelo qual o vemos. Quando mudamos o filtro, modificamos a forma que interpretamos aquilo”, explica José Guilherme Diniz, mestre em Têxtil e Moda pela Universidade de São Paulo e docente do Senac Lapa Faustolo.

Essa metodologia é muito utilizada em fábulas e contos infantis para motivar reflexões e novos comportamentos. “Um exemplo é o conto do Patinho Feio que, no começo é rejeitado por ser diferente, mas depois é ressignificado e se transforma em um belo cisne”, ilustra o docente.

E completa: “às vezes, a gente tem preconceito com alguma coisa, nem percebe e esquece de trocar a lente para enxergar aquilo de outra maneira, mas se nos colocamos no lugar do outro, e mudamos a visão fica mais fácil achar o significado ideal para aquilo”.

Na moda, esclarece o docente, o processo de ressignificação pode trazer novas perspectivas aos consumidores sobre o impacto que as compras excessivas e o processo de produção das roupas que usamos causam ao meio ambiente.  “Esse método gera respostas de ecomportamentos, um neologismo utilizado para denominar o comportamento ecossustentável”, destaca José Guilherme.

Nas empresas do setor, a ressignificação é um elemento chave para o processo criativo. “Muitas fábricas têm lotes de produtos separados que não venderam como era esperado. Enxergar novas formas de reutilização daqueles artigos é importante financeiramente, porque deixa de ser dinheiro parado e, ambientalmente, evita de ser lixo para o mundo”, diz.

Já para os consumidores da moda, trocar esse filtro transforma atitudes. “No dia a dia, a gente transpõe esse conceito da neurolinguística para a linguagem visual por meio da escolha do que vestimos”, esclarece.

Além disso, provoca reflexões sobre a forma de descarte das roupas que usamos. “É importante que, a partir de hoje, você não veja mais os retalhos de tecido como um lixo, mas como insumo têxtil que pode ser utilizado. Essa é a ressignificação”, finaliza.

Fashion Revolution
A técnica de ressignificação a partir do reaproveitamento de tecidos foi tema da oficina Humanização na Moda ministrada por José Guilherme no Senac Lapa Faustolo.

A atividade compôs o evento Fashion Revolution Week 2016 promovido, em abril, pelo movimento Fashion Revolution com apoio do Senac São Paulo.

Conheça os cursos na área de moda que o Senac Lapa Faustolo oferece.

Leia também:
-
Ciclo de vida da moda é sustentável?
- Fashion Revolution mobiliza alunos do Senac São Paulo

Tags: Senac Lapa Faustolo, humanização na moda, moda, moda sustentável, ressignificação


Últimas notícias

22/05/2019
22/05/2019
22/05/2019
10/05/2019
10/05/2019
08/05/2019
06/05/2019
Turma organiza evento gastronômico para praticar versatilidade de formatos
06/05/2019
Pós-graduação: Processo de Ingresso - 2º semestre 2019 está com inscrições abertas
03/05/2019
Festival organizado por alunos integra moda e arte
03/05/2019
7 dicas para manter a empresa segura no ambiente digital
03/05/2019
Turma de enfermagem acompanha procedimentos em centro cirúrgico
03/05/2019
Exposição promove reflexão sobre a beleza do envelhecimento
03/05/2019
Alunos aprofundam teorias da administração em projetos sustentáveis
02/05/2019
Com mão na massa, turmas refletem sobre logística e produção alimentícia
02/05/2019
Senac oferta cursos de cuidador de idosos em parceria com a Central Nacional Unimed
02/05/2019
Senac está com inscrições abertas para cursos de pós-graduação a distância
02/05/2019
Centro Universitário Senac abre processo seletivo para professores
26/04/2019
Alunos de logística percorrem bastidores de indústria de capacetes
23/04/2019
Senac Francisco Matarazzo completa 40 anos de história
17/04/2019
Turma de fotografia expõe registros e retratos da cidade de São Paulo

Próximos Eventos

Instagram (@senacsaopaulo)