Home > Notícias
14/03/2018 16h57min

Malha fina e Imposto de Renda: o que é preciso saber

Ilustração de um leão segurando uma lupa com papeis voando ao redor

Mais de 28 milhões de declarações do Imposto de Renda 2018, ano-base 2017, devem ser entregues à Receita Federal até 30 de abril.

Assim que essas declarações são apresentadas, inicia-se eletronicamente os procedimentos de verificação das informações. Caso haja inconsistências, o contribuinte pode ser alertado para realizar alterações e ajustes. Em análises mais refinadas, o mesmo pode “cair” na chamada malha fina.

Ademir Macedo de Oliveira*, docente das áreas de finanças e contabilidade do Senac São Paulo, explica que a expressão malha fina nada mais é do que o resultado de um ou mais procedimentos aplicados a partir do cruzamento das informações recebidas e administradas pela Receita Federal.

“Ao aproximar a época da declaração do imposto de renda, esse termo vem à tona e causa preocupações aos contribuintes, pois quando alguma declaração não passa por esse filtro e apresenta inconsistências que precisam de atenção a Receita faz uma análise mais apurada, que pode, inclusive, resultar em multas”, alerta o docente.

Por isso, é importante ficar de olho nas situações em que os erros podem gerar multas, além da já prevista pela entrega em atraso, que é de, no mínimo, R$165,74, mas pode chegar a até 20% do imposto devido.

Preventivamente, Ademir destaca que os dados apresentados podem ser “cruzados” com outras declarações que a Receita Federal recebeu ao longo do ano. Como tais cruzamentos são eletrônicos, o procedimento é bem rápido.

"É bom ser zeloso nesse processo e os cuidados devem ser redobrados principalmente por aqueles contribuintes que, nos casos de imposto a restituir, adiantam o valor junto a instituições financeiras", lembra o docente.

Veja como a sua declaração pode ser analisada eletronicamente:


Declaração de uma pessoa física com outra: Imagine, por exemplo, um pagamento para um profissional da área da saúde. Quem paga informa o número do Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) do beneficiário e quem recebe indica a fonte pagadora. Trata-se de um cruzamento por relacionamento. A mesma análise vale para aluguéis, honorários de advogados, arquitetos, entre outros.

Informe de Rendimentos entregue ao contribuinte: As fontes pagadoras já enviaram para a Receita Federal brasileira, até 28 de fevereiro de 2018, os valores pagos com retenção de imposto de renda no ano de 2017, por meio da Declaração de Imposto de Renda Retido na Fonte (Dirf).

Movimentação financeira: Instituições financeiras e administradoras de cartões enviaram aos controles da Receita Federal, pelo menos, duas declarações ao longo do ano: Declaração de Informações sobre Movimentação Financeira (Dimof), nos casos em que as movimentações ultrapassaram R$ 5 mil no semestre, e Declaração de Operações com Cartão de Crédito (Decred). Vale ressaltar que os valores recebidos na venda de bitcoins, também podem aparecer em tais movimentações. Preventivamente, sempre devemos optar pelo controle e procedimento correto nas transações financeiras anuais.

Rendimentos de aluguéis e transações imobiliárias: Para os envolvidos nessas transações, é importante lembrar que as imobiliárias, quando administradoras de locação, venda e intermediação, apresentam a Declaração sobre Operações Imobiliárias (Dimob) e os cartórios, que registraram compra e venda de imóveis, apresentam a Declaração de Operações Imobiliárias (DOI).

Doações em dinheiro ou bens: Salvo exceções, com relação à isenção prevista em lei, o cruzamento desse dado poderá ser feito por meio do recolhimento do Imposto sobre Transmissão por Causa Mortis e Doações (ITCMD) e Imposto sobre Transmissão Inter Vivos (ITBI).

Conheça os cursos na área de finanças e contabilidade que o Senac São Paulo oferece.


Ademir Macedo de Oliveira* - docente de finanças e contabilidade, membro do Grupo de Melhoria Contábil, mentor contábil do Projeto Empreenda e professor na Educação Corporativa do Senac São Paulo. Palestrante e contador associado e consultor tributário na empresa Meta Assessoria Empresarial.

Notícias relacionadas:
- Bitcoins e Imposto de Renda 2018: o que é preciso saber?
- Bitcoins e Imposto de Renda 2018: o que é preciso saber?
- Bitcoins e Imposto de Renda 2018: o que é preciso saber?
- Bitcoins e Imposto de Renda 2018: o que é preciso saber?
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Saiba quais são as novidades para declarar o Imposto de Renda em 2018
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração
- Imposto de Renda 2018: entenda como facilitar sua declaração


Tags: IR 2018, Imposto de Renda, Malha fina, Senac São Paulo, contabilidade senac, finanças, penalidades, restituição, retenção


Últimas notícias

22/05/2019
22/05/2019
22/05/2019
Levando Cor com Amor: alunos realizam ações de valorização com idosos
10/05/2019
De futebol a teatro, alunos vivenciam práticas de podologia
10/05/2019
Senac São Paulo está entre os Melhores Fornecedores para RH 2019
08/05/2019
Bombeiro compartilha experiência na operação de salvamento em Brumadinho
06/05/2019
Turma organiza evento gastronômico para praticar versatilidade de formatos
06/05/2019
Pós-graduação: Processo de Ingresso - 2º semestre 2019 está com inscrições abertas
03/05/2019
Festival organizado por alunos integra moda e arte
03/05/2019
7 dicas para manter a empresa segura no ambiente digital
03/05/2019
Turma de enfermagem acompanha procedimentos em centro cirúrgico
03/05/2019
Exposição promove reflexão sobre a beleza do envelhecimento
03/05/2019
Alunos aprofundam teorias da administração em projetos sustentáveis
02/05/2019
Com mão na massa, turmas refletem sobre logística e produção alimentícia
02/05/2019
Senac oferta cursos de cuidador de idosos em parceria com a Central Nacional Unimed
02/05/2019
Senac está com inscrições abertas para cursos de pós-graduação a distância
02/05/2019
Centro Universitário Senac abre processo seletivo para professores
26/04/2019
Alunos de logística percorrem bastidores de indústria de capacetes
23/04/2019
Senac Francisco Matarazzo completa 40 anos de história
17/04/2019
Turma de fotografia expõe registros e retratos da cidade de São Paulo

Próximos Eventos

Instagram (@senacsaopaulo)