Cursos Livres

Sped Fiscal - ICMS/ IPI

Desenvolver o participante para validar os cálculos de ICMS e IPI, bem como demonstrar a estrutura da nota fiscal eletrônica, modelo 55, nas operações com mercadorias e serviços.

Carga horária: 20 horas

Pré-requisito
Idade mínima: 16 anos
Escolaridade mínima: cursando ensino médio

Mercado de Trabalho

A atividade de escrituração é uma realidade digital da atualidade e uma exigência da legislação, de caráter irreversível. Ela é resultado da solução que as três esferas do Governo (municipal, estadual e federal) deram para promover maior integração administrativa, padronização e melhor qualidade das informações; racionalização de custos e da carga de trabalho operacional no atendimento; maior eficácia da fiscalização; maior possibilidade de realização de ações fiscais coordenadas e integradas; maior possibilidade de intercâmbio de informações fiscais entre as diversas esferas governamentais; cruzamento de informações em larga escala com dados padronizados e uniformização de procedimentos.

Desta forma, exige dos profissionais que atuam diretamente nas organizações ou estejam em situação que influencie os processos respectivos o desenvolvimento de conhecimentos e habilidades específicos da área contábil tributária, a fim de realizar seu trabalho assegurando a conformidade com as leis vigentes, uma vez que o descumprimento destas pode implicar em crime contra a ordem tributária, nos aspectos: principal e acessório.

Para tanto, não basta que o profissional envolvido na implementação e utilização do Sped apenas reproduza os procedimentos. É preciso compreender seus fundamentos e possuir visão sistêmica da exigência da legislação para os seus negócios, entendendo que a área contábil/fiscal se situa num campo estratégico, tendo em vista sua vital importância para o bom desempenho das operações e alavancagem do resultado.

Nessa perspectiva, importante ressaltar que as tecnologias utilizadas no cumprimento de tais obrigações, diferencia e completa o perfil profissional, necessário para o mercado de trabalho.


Público-alvo

Profissionais da área contábil, fiscal e administrativa, preferencialmente com conhecimento prévio em ICMS, IPI e emissão de nota fiscal eletrônica.

Método

Estão previstas estratégias e outros recursos, que visam oferecer a reflexão sobre a ação e o desenvolvimento de competências profissionais, tais como exposição dialogada, estudos de casos e atividades práticas em laboratório.

Programa

- Legislação tributária pertinente à nota fiscal eletrônica, modelo 55, e SPED Fiscal ICMS/IPI: Decreto 6022/2007, Ajuste SINIEF 5/2005 (Sistema Integrado de Informações Econômico Fiscais) e Ajuste SINIEF 2/2009
- Regras fiscais de operações e prestação
- Códigos de Situação Tributária (CST): tabelas de origem e tributação
- Classificação de mercadorias: Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM)
- Códigos fiscais de operações e prestação (CFOP)
- ICMS/IPI: fato gerador, base de cálculo e alíquota
- Legislação tributária pertinente à Nota Fiscal Eletrônica, modelo 55, e SPED Fiscal - ICMS/IPI
- Nota fiscal eletrônica e aspectos técnicos do SPED Fiscal: tipos de emissão, regras de validação, contingências e relatórios.

Certificação

Àquele que concluir com aprovação este curso, será conferido o respectivo certificado de conclusão do curso: SPED Fiscal ICMS/IPI.

Documentos para Matrícula

- Documento de Identidade (RG) (apresentação do original)
- CPF ou documento que possua a numeração do CPF (apresentação do original)


Matrículas abertas! Clique na unidade de seu interesse para conhecer valores, datas e horários.

 
Confira outras Unidades com Inscrições Abertas para este curso.
 
O Senac reserva-se o direito de alterar o número de vagas, datas, horários ou cancelar o programa.

Quer ser informado sobre novas turmas? Selecione a unidade e registre seu interesse.

 
Tags
sped; icms, ipi, sistema público de escrituração digital; emissão de nota fiscal eletrônica, senac, cursos senac, sped fiscal, estrutura da nota fiscal eletrônica, modelo 55, decreto 6022/2007, nota fiscal eletrônica, nota fiscal digital, regras fiscais, classificação de mercadorias