Menu
Senac São Paulo
Busca


Cursos Técnicos

 

Técnico em Segurança do Trabalho

Profissional regulamentado pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o técnico em segurança do trabalho atua na prevenção de acidentes e doenças ocupacionais. Ele contribui tanto para a manutenção da saúde e da integridade física dos funcionários como para a sustentabilidade da empresa que precisa cumprir requisitos legais e gerenciar os riscos da atividade.

No curso Técnico em Segurança do Trabalho do Senac São Paulo, o aluno desenvolve as competências exigidas pelo mercado enquanto vivencia situações que simulam a atuação profissional em um processo de participação ativa no aprendizado.

(Carga horária: 1200 horas)
Conselho Regional do Senac São Paulo, conforme Resolução nº 04/2013, de 29/01/2013.
Em um país que figura entre os que mais registram acidentes de trabalho no mundo, a contratação do técnico em segurança do trabalho é obrigatória para algumas empresas, de acordo com o risco da atividade exercida e a quantidade de funcionários. Porém, as organizações têm buscado esse profissional não apenas para cumprir exigências legais, mas também pela preocupação com uma atuação empresarial cidadã e socialmente responsável, que investe na qualidade de vida de seus colaboradores.

Seja como funcionário em empresas públicas, privadas ou órgãos públicos, seja como prestador de serviços, o técnico em segurança do trabalho atua em prol da melhoria contínua das condições de trabalho e do desenvolvimento de atitudes conscientes e seguras nas equipes. Ao gerenciar e reduzir os níveis de risco e proporcionar proteção aos trabalhadores, contribui para o aumento da produtividade e da competitividade das organizações.

Para isso, o técnico em segurança do trabalho realiza projetos de educação para prevenção de risco à saúde e à segurança, controle de perdas humanas e de perdas por danos à propriedade e ao meio ambiente. Ele faz inspeções de segurança, investiga acidentes de trabalho, emite relatórios e promove treinamentos para o uso adequado de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), além de instalar, orientar e treinar a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa).
É preciso ter, pelo menos, 16 anos completos e, no mínimo, estar cursando o segundo ano do ensino médio.
Idade mínima: 16 anos
Escolaridade mínima: cursando 2º ano do ensino médio
O curso privilegia atividades práticas e participação ativa dos alunos por meio de estudos de caso, apresentação de seminários, interação com especialistas do mercado, visitas técnicas, trabalho de campo e vivência de contextos similares às condições reais de trabalho por exemplo, treinamento em pista de incêndio.
No decorrer do curso, sob orientação dos docentes, os alunos desenvolvem um projeto de intervenção em uma empresa real, no qual fazem o diagnóstico dos riscos ocupacionais e elaboram um plano com sugestões de melhorias.
Programa:

Módulo 1 Segurança e Saúde do Trabalho e Meio Ambiente (240 horas)
Módulo 2 Higiene Ocupacional e Ergonomia (280 horas)
Módulo 3 Riscos Ocupacionais em Segmentos Específicos (184 horas)
Módulo 4 Gerenciamento de Emergências (132 horas)
Módulo 5 Sistema de Segurança e Saúde do Trabalho (204 horas)
Módulo 6 Gestão Empreendedora (40 horas)
Módulo 7 Sistema de Gestão Integrada (120 horas)

Clique aqui para conhecer o plano de curso.

Àquele que concluir com aprovação todos os módulos que compõem a organização curricular desta Habilitação Técnica de Nível Médio e comprovar a conclusão do ensino médio será conferido o diploma de Técnico (a) em Segurança do Trabalho com validade nacional.
- Requerimento de Matrícula.
- Documento de Identidade (RG) (cópia simples).
- CPF (apresentação do documento).
- Certificado ou Histórico Escolar de conclusão do Ensino Médio (apresentação do original e cópia simples ou cópia autenticada) ou,
- Declaração de escola, comprovando estar cursando a escolaridade mínima exigida (original).
As inscrições e as matrículas serão efetuadas conforme cronograma estabelecido pela Unidade, atendidos os requisitos de acesso e nos termos regimentais.
*Documento impresso e entregue pelo Senac no ato da matrícula. Para matrículas realizadas através do portal Senac, o aluno assinará o requerimento no primeiro dia de aula.
 


Assista ao vídeo

 
Quer ser informado sobre novas turmas?

Eventos relacionados à área


Palestra: O Papel do Técnico em Segurança do Trabalho e sua Atuação
Tags
técnico em segurança do trabalho, curso técnico em segurança do trabalho, curso de segurança do trabalho, formação técnica de segurança do trabalho, TST, curso tst, curso de tst sp, curso técnico em segurança do trabalho sp, mercado para técnico em segurança do trabalho, atuação do técnico em segurança do trabalho, técnico de segurança do trabalho, curso instrutor de brigadista, o que faz um técnico em segurança do trabalho


Cursos Técnicos

 

Técnico em Segurança do Trabalho

Profissional regulamentado pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE), o técnico em segurança do trabalho atua na prevenção de acidentes e doenças ocupacionais. Ele contribui tanto para a manutenção da saúde e da integridade física dos funcionários como para a sustentabilidade da empresa que precisa cumprir requisitos legais e gerenciar os riscos da atividade.

No curso Técnico em Segurança do Trabalho do Senac São Paulo, o aluno desenvolve as competências exigidas pelo mercado enquanto vivencia situações que simulam a atuação profissional em um processo de participação ativa no aprendizado.

(Carga horária: 1200 horas)
Conselho Regional do Senac São Paulo, conforme Resolução nº 04/2013, de 29/01/2013.
Em um país que figura entre os que mais registram acidentes de trabalho no mundo, a contratação do técnico em segurança do trabalho é obrigatória para algumas empresas, de acordo com o risco da atividade exercida e a quantidade de funcionários. Porém, as organizações têm buscado esse profissional não apenas para cumprir exigências legais, mas também pela preocupação com uma atuação empresarial cidadã e socialmente responsável, que investe na qualidade de vida de seus colaboradores.

Seja como funcionário em empresas públicas, privadas ou órgãos públicos, seja como prestador de serviços, o técnico em segurança do trabalho atua em prol da melhoria contínua das condições de trabalho e do desenvolvimento de atitudes conscientes e seguras nas equipes. Ao gerenciar e reduzir os níveis de risco e proporcionar proteção aos trabalhadores, contribui para o aumento da produtividade e da competitividade das organizações.

Para isso, o técnico em segurança do trabalho realiza projetos de educação para prevenção de risco à saúde e à segurança, controle de perdas humanas e de perdas por danos à propriedade e ao meio ambiente. Ele faz inspeções de segurança, investiga acidentes de trabalho, emite relatórios e promove treinamentos para o uso adequado de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), além de instalar, orientar e treinar a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa).
É preciso ter, pelo menos, 16 anos completos e, no mínimo, estar cursando o segundo ano do ensino médio.
Idade mínima: 16 anos
Escolaridade mínima: cursando 2º ano do ensino médio
O curso privilegia atividades práticas e participação ativa dos alunos por meio de estudos de caso, apresentação de seminários, interação com especialistas do mercado, visitas técnicas, trabalho de campo e vivência de contextos similares às condições reais de trabalho por exemplo, treinamento em pista de incêndio.
No decorrer do curso, sob orientação dos docentes, os alunos desenvolvem um projeto de intervenção em uma empresa real, no qual fazem o diagnóstico dos riscos ocupacionais e elaboram um plano com sugestões de melhorias.
Programa:

Módulo 1 Segurança e Saúde do Trabalho e Meio Ambiente (240 horas)
Módulo 2 Higiene Ocupacional e Ergonomia (280 horas)
Módulo 3 Riscos Ocupacionais em Segmentos Específicos (184 horas)
Módulo 4 Gerenciamento de Emergências (132 horas)
Módulo 5 Sistema de Segurança e Saúde do Trabalho (204 horas)
Módulo 6 Gestão Empreendedora (40 horas)
Módulo 7 Sistema de Gestão Integrada (120 horas)

Clique aqui para conhecer o plano de curso.

Àquele que concluir com aprovação todos os módulos que compõem a organização curricular desta Habilitação Técnica de Nível Médio e comprovar a conclusão do ensino médio será conferido o diploma de Técnico (a) em Segurança do Trabalho com validade nacional.
- Requerimento de Matrícula.
- Documento de Identidade (RG) (cópia simples).
- CPF (apresentação do documento).
- Certificado ou Histórico Escolar de conclusão do Ensino Médio (apresentação do original e cópia simples ou cópia autenticada) ou,
- Declaração de escola, comprovando estar cursando a escolaridade mínima exigida (original).
As inscrições e as matrículas serão efetuadas conforme cronograma estabelecido pela Unidade, atendidos os requisitos de acesso e nos termos regimentais.
*Documento impresso e entregue pelo Senac no ato da matrícula. Para matrículas realizadas através do portal Senac, o aluno assinará o requerimento no primeiro dia de aula.
 


Assista ao vídeo

 
Quer ser informado sobre novas turmas?

Eventos relacionados à área


Palestra: O Papel do Técnico em Segurança do Trabalho e sua Atuação
Tags
técnico em segurança do trabalho, curso técnico em segurança do trabalho, curso de segurança do trabalho, formação técnica de segurança do trabalho, TST, curso tst, curso de tst sp, curso técnico em segurança do trabalho sp, mercado para técnico em segurança do trabalho, atuação do técnico em segurança do trabalho, técnico de segurança do trabalho, curso instrutor de brigadista, o que faz um técnico em segurança do trabalho
0800 883 2000
© 2015 Senac São Paulo