Menu
Senac São Paulo
Busca


Eventos


Diálogos da Fotografia


O Senac São Paulo realiza, de 11 de setembro a 11 de outubro, a 8ª edição do Diálogos da Fotografia.

Evento, que estará em unidades do interior e da Grande São Paulo, tem a proposta de promover debates sobre fotografia e suas perspectivas no contexto mercadológico, cultural e social.

Iniciativa conta com palestras, oficinas e mesas-redondas gratuitas e abertos ao publico.


Além disso, o público poderá conferir a Mostra Fotográfica Cultura de Paz, resultado do concurso Fotográfico Cultura de Paz realizado no 1º semestre de 2017. São 20 imagens registradas por alunos dos cursos de Fotografia do Senac.

Confira os cursos da área de fotografia que o Senac oferece.

Público-alvo: Profissionais, estudantes e interessados na área de fotografia.



Atualizado em: 18/09/2017 14:04:04
Serviço







O fotógrafo Fernando Lima conta o dia a dia da profissão, seu fluxo de trabalho e processo criativo dentro do segmento.

Fernando Lima - vindo de uma família de fotógrafos, se tornou referência como fotógrafo na região de Araçatuba. Hoje sua especialidade é a fotografia de casamento e em seus trabalhos busca ousar da criatividade para registrar esse momento mais que especial para seus clientes.

Local de realização: Colégio Extensão - Rua Antônio Gomes do Amaral, 275, Bairro São Joaquim





Lucas Garbelini, do Studio Garbelini, pioneiro no ramo, fala sobre os desafios da fotografia newborn e de crianças, além de dar dicas de como iniciar na área.Lucas Garbelini Oliveira - publicitário de formação, atua na fotografia profissional desde 2007. Iniciou com trabalhos publicitários, mas migrou para a fotografia infantil e em parceria com a esposa Renata fundou o Studio Garbelini. Pioneiros no mercado, atuam nas áreas de fotografia de família, gestante, newborn e infantil.Local de realização: Colégio Extensão - Rua Antônio Gomes do Amaral, 275, Bairro São Joaquim





A atividade será desenvolvida de forma dinâmica, intercalando a parte teórica e apresentação de dois vídeos, com atividades práticas - uma saída fotográfica no entorno da unidade do Senac.

Dessa forma, o participante será levado a construir o próprio conhecimento – tal metodologia de trabalho se mostra mais eficiente: unindo a parte teórica a prática , conseguindo unir arte à técnica, o domínio dessa parte teórica e técnica a um olhar apurado e sensível.

Ricardo Lima - jornalista formado pela PUC-Campinas e fotógrafo. É o idealizador do Festival Hercule Florence de Fotografia e é membro fundador da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil (RPCFB). Atuou na diretoria da Arfoc e é diretor de Cultura do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau.

Local de realização: Colégio Extensão - Rua Antônio Gomes do Amaral, 275, Bairro São Joaquim.





Fotógrafos regionais de diversas áreas discutem o panorama atual do mercado e as novas possibilidades de negócios na fotografia.

Profissionais: Flávia Bahxix, Tiago Lopes, Lili Fagundes, Yago Monteiro e Rafael Negs, com mediação de Marcelo F. Fernandes

Flávia - fotógrafa, formada em Fotografia Profissional pelo Senac. Especialização pela escola Spéos de Paris. Atua na área de fotografia de Espetáculos, Belas Artes e Autoral, também como professora convidada do Senac. Em 2016 expôs em SP e em 2017 foi convidada à expor em Paris no Carrousel du Louvre.

Tiago - Formado em Fotografia Profissional pelo Senac, atua como fotógrafo em eventos, mas sua especialidade é a fotografia newborn e de crianças.

Lili - a fotografia entrou em sua vida como uma nova forma de enxergar o mundo, após perder 40% da visão. Cursou Fotografia Profissional no Senac e desde então participa de congressos e workshops buscando aprimorar seus trabalhos. Sua paixão é contrar histórias através de suas fotografias de casamento.

Yago - jornalista, atua nas áreas de fotojornalismo, fotografia de eventos, além de se dedicar à fotografia autoral. Atualmente trabalha também como professor de fotografia.

Rafael - formado pelo Senac em fotografia profissional, atua nas áreas de fotografia publicitária, eventos e ensaios em geral.

Marcelo - publicitário, formado em Fotografia Profissional pelo Senac, docente nas áreas de comunicação e fotografia do Senac Araçatuba e Birigui. Atua como fotógrafo freelancer em diversas áreas comerciais e tem como foco principal fotografia autoral e projetos fotográficos."


Local de realização: Colégio Extensão - Rua Antônio Gomes do Amaral, 275, Bairro São Joaquim.







A atividade será desenvolvida de forma dinâmica, intercalando a parte teórica e apresentação de dois vídeos, com atividades práticas - uma saída fotográfica no entorno da unidade do Senac.

Desta forma, levamos o participante à construir o próprio conhecimento – tal metodologia de trabalho se mostra mais eficiente: unindo a parte teórica a prática , conseguindo unir arte à técnica, o domínio dessa parte teórica e técnica à um olhar apurado e sensível.

Ricardo Lima - jornalista formado pela PUC-Campinas e fotógrafo. É o idealizador do Festival Hercule Florence de Fotografia e é membro fundador da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil (RPCFB). Atuou na diretoria da Arfoc e é diretor de Cultura do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau.







A atividade abordará a trajetória profissional do palestrante, destacando fotos e histórias reais entre elas a documentação global da crise mundial dos rinocerontes. Érico também falará sobre conceitos e dilemas de hoje em dia para a fotografia.

Érico Hiller - formado em Comunicação Social e Pós graduado em Fotografia, atua como fotógrafo documental e seus projetos apresentam uma temática humanitária. Sua história atual é sobre os esforços de conservação dos rinocerontes na África.





Os participantes terão a oportunidade de construir e fotografar com uma câmera pinhole.

As fotografias pinhole são imagens obtidas em dispositivos que não utilizam lentes.

Ana Angélica Costa - artista visual, pesquisadora e produtora cultural, mestre em Artes e especialista em História da Arte e da Arquitetura no Brasil. Tem obras na Coleção Joaquim Paiva, em comodato com o MAM-Rio e é fundadora do projeto Câmera Lúcida.






A ação trará a tendência da fotografia documental aplicada nos eventos sociais, em especial casamentos, a partir da experiência e carreira do fotografo Vini Bandini, considerando os aspectos do segmento.

Vini Bandinni - com mais de 300 casamentos em seu portfólio, em 2012 foi aceito por importantes associações internacionais de fotografia de casamento como a WPJA, AGWPJA, Fearless e ISPWP. Em 2017 seu trabalho foi premiado como o melhor do país no concurso Wedding Best - O Álbum.





Os participantes vivenciarão uma saída fotográfica nos arredores da unidade do Senac de acordo com os moldes do Coletivo Rolê acompanhados de alguns de seus integrantes. O tema será livre, sendo possível que os participantes fotografem em função do tema "cultura da paz".


Coletivo Rolê Com quase 15 anos, o coletivo conta com amantes da fotografia de rua. O grupo organiza saídas fotográficas ao anoitecer de forma orgânica e informal. O grupo é diverso, com várias áreas criativas, fotógrafos amadores e profissionais, alguns deles formados no Bacharelado em Fotografia no Senac.







Os participantes vivenciarão uma saída fotográfica nos arredores da unidade do Senac de acordo com os moldes do Coletivo Rolê acompanhados de alguns de seus integrantes. O tema será livre, sendo possível que os participantes fotografem em função do tema "cultura da paz".

Coletivo Rolê Com quase 15 anos, o coletivo conta com amantes da fotografia de rua. O grupo organiza saídas fotográficas ao anoitecer de forma orgânica e informal. O grupo é diverso, com várias áreas criativas, fotógrafos amadores e profissionais, alguns deles formados no Bacharelado em Fotografia no Senac.






Os participantes vivenciarão uma saída fotográfica nos arredores da unidade do Senac de acordo com os moldes do Coletivo Rolê acompanhados de alguns de seus integrantes. O tema será livre, sendo possível que os participantes fotografem em função do tema "cultura da paz".Coletivo Rolê - com quase 15 anos, o coletivo conta com amantes da fotografia de rua. O grupo organiza saídas fotográficas ao anoitecer de forma orgânica e informal. O grupo é diverso, com várias áreas criativas, fotógrafos amadores e profissionais, alguns deles formados no Bacharelado em Fotografia no Senac.







Saída fotográfica - A proposta é que os participantes saiam pelas ruas registrando a cidade com outros olhos, que conte estórias, situações vividas e que resgatem personagens da cidade. Também serão captados fragmentos do cotidiano; resguardando sua memória e utilizando a fotografia como meio de comunicação social e capacidade criadora. Toda atividade orientada e acompanhada pela fotógrafa convidada.

Luciana Crepaldi - formada em Arquitetura e Urbanismo pela PUCAMP. Iniciou seu trabalho como fotografa em 2006 em Barcelona e já teve seus trabalhos expostos na Casa Cor 2017 e no Projeto “Rumos Visuais” - Espaço Itaú Cultural em São Paulo. Atualmente atua em projetos fotográficos e trabalha como arte educadora, com fotografia básica e contemporânea.






A atividade será desenvolvida de forma dinâmica, intercalando a parte teórica e apresentação de dois vídeos, com atividades práticas - uma saída fotográfica no entorno da unidade do Senac. Desta forma, o participante será levado a construir o próprio conhecimento – tal metodologia de trabalho se mostra mais eficiente: unindo a parte teórica a prática , conseguindo unir arte à técnica, o domínio dessa parte teórica e técnica à um olhar apurado e sensível.

Ricardo Lima - jornalista formado pela PUC - Campinas e fotógrafo. É o idealizador do Festival Hercule Florence de Fotografia e é membro fundador da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil (RPCFB). Atuou na diretoria da Arfoc e é diretor de Cultura do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau.







A atividade será desenvolvida de forma dinâmica, intercalando a parte teórica e apresentação de dois vídeos, com atividades práticas - uma saída fotográfica no entorno da unidade do Senac. Desta forma, o participante será levado a construir o próprio conhecimento – tal metodologia de trabalho se mostra mais eficiente: unindo a parte teórica a prática , conseguindo unir arte à técnica, o domínio dessa parte teórica e técnica à um olhar apurado e sensível.

Ricardo Lima - jornalista formado pela PUC - Campinas e fotógrafo. É o idealizador do Festival Hercule Florence de Fotografia e é membro fundador da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil (RPCFB). Atuou na diretoria da Arfoc e é diretor de Cultura do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau.





A pré produção, a fotografia e a pós produção devem ser vistas como um elo perfeito em todo o processo de construção de uma imagem profissional. Mas, para isso, é fundamental uma comunicação perfeita entre os profissionais envolvidos, ou mesmo um ótimo planejamento, para garantir que o que foi planejado aconteça sem imprevistos. Iluminação, direção de modelos ou o melhor posicionamento de produtos, importação de arquivos, edição, fusão, serão esse os assuntos abordados no processo que acontecerá em tempo real.

Luiz Roberto Farias Filho - Formado em Publicidade & Propaganda, especialista em Design Gráfico e em Docência pelo Senac São Paulo. Aplica a fotografia e o vídeo no workflow das agências com as quais trabalha e ministrando sobre fotografia nos cursos técnicos e superiores. É docente de comunicação do Senac Piracicaba.

Nilo Belotto - Trabalhos publicados em revistas e jornais. Catálogos de grandes empresas. Campanhas publicitárias ao longo dos mais de 30 anos de fotografia. Foi repórter e editor fotográfico no Jornal de Piracicaba. Especializado em: Arquitetura e interiores, Still, Editoriais e publicidade, Gastronomia, Portrait.

Rodrigo de Magalhães - Fotógrafo, especialista em Photoshop e ilustração digital, docente do Senac, atua principalmente no mercado de moda e publicidade e social. Palestrante do Photoshop Conference e por todo o Brasil. Possui Trabalhos em parceria com Alexandre Keese e é o idealizador do PhotoPocket.








Neste workshop serão abordadas diferentes possibilidades de operação desse tipo de flash: Manual, com comando através da câmera ou TTL (Through the Lens), com acionamento por rádio, e uso de múltiplas unidades de flash integradas (modo Multi), que exigem diferentes ajustes, tanto na câmera como na unidade de flash. Também serão apresentadas diferentes possibilidades de uso criativo desse tipo de flash, como efeito estroboscópico e sincronização com a segunda cortina, permitindo obter resultados diferentes e inusitados.






A atividade será desenvolvida de forma dinâmica, intercalando a parte teórica e apresentação de dois vídeos, com atividades práticas - uma saída fotográfica no entorno da unidade do Senac. Desta forma, o participante será levado a construir o próprio conhecimento – tal metodologia de trabalho se mostra mais eficiente: unindo a parte teórica a prática , conseguindo unir arte à técnica, o domínio dessa parte teórica e técnica à um olhar apurado e sensível.

Ricardo Lima - jornalista formado pela PUC - Campinas e fotógrafo. É o idealizador do Festival Hercule Florence de Fotografia e é membro fundador da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil (RPCFB). Atuou na diretoria da Arfoc e é diretor de Cultura do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau.







Os participantes vivenciarão uma saída fotográfica nos arredores da unidade do Senac de acordo com os moldes do Coletivo Rolê acompanhados de alguns de seus integrantes. O tema será livre, sendo possível que os participantes fotografem em função do tema "cultura da paz".

Coletivo Rolê - com quase 15 anos, o coletivo conta com amantes da fotografia de rua. O grupo organiza saídas fotográficas ao anoitecer de forma orgânica e informal. O grupo é diverso, com várias áreas criativas, fotógrafos amadores e profissionais, alguns deles formados no Bacharelado em Fotografia no Senac.





O fotografo publicitário Diego Rousseaux apresentará seu portfólio, dividindo sua trajetória profissional e demonstrará na prática seu trabalho.

Diego Rousseaux - sempre teve uma fascinação especial pela fotografia. Aos 18 anos começou como assistente e, em 1987, montou seu próprio estúdio. Trabalhou como still photographer em 12 longas-metragens. Desde 2001 em São Paulo, atende a clientes diretos e agências de publicidade em seu estúdio.






O fotógrafo Felipe Garchet apresentará seu portfólio de imagens realizadas com drones e demonstrará na prática a produção de fotos com o drone mavic pro dji (atividade de demonstração sujeita a previsão do tempo).

Felipe Garchet - atua no mercado da fotografia há mais de 10 anos e de audiovisual há 5. Diretor criativo e diretor de fotografia. Se especializou em técnicas pouco difundidas na fotografia e fotografia aérea como: Fotos 360º, fotos aéreas, 360º aérea, hyper-lapse, Drone-lapse, entre outras.









A importância das memórias impressas, dicas de Diagramação do seu Álbum no D- Book.

Ediraldo Monteiro - formado em Literatura Brasileira pela Universidade Capital, trabalha como Supervisor Comercial da Digipix S/A desde 2009.





Os participantes vivenciarão uma saída fotográfica nos arredores da unidade do Senac de acordo com os moldes do Coletivo Rolê acompanhados de alguns de seus integrantes. O tema será livre, sendo possível que os participantes fotografem em função do tema "cultura da paz".

Coletivo Rolê - com quase 15 anos, o coletivo conta com amantes da fotografia de rua. O grupo organiza saídas fotográficas ao anoitecer de forma orgânica e informal. O grupo é diverso, com várias áreas criativas, fotógrafos amadores e profissionais, alguns deles formados no Bacharelado em Fotografia no Senac.







Em uma oficina dinâmica e prática, os participantes vão conhecer um pouco sobre a técnica de retratos, fotografias que mostram pelo menos uma pessoa, com o rosto em destaque ou parte dele.

Gabriela Moré Zuri - da moda por formação, da fotografia por paixão. Respirando e devorando imagens desde os tempos da faculdade, transformou o que era hobby em profissão. Hoje atua principalmente com fotografia subaquática e retratos femininos, acreditando que a fotografia ajuda na valorização da mulher e na sua auto-estima.





A atividade será desenvolvida de forma dinâmica, intercalando a parte teórica e apresentação de dois vídeos, com atividades práticas - uma saída fotográfica no entorno da unidade do Senac. Desta forma, o participante será levado a construir o próprio conhecimento – tal metodologia de trabalho se mostra mais eficiente: unindo a parte teórica a prática , conseguindo unir arte à técnica, o domínio dessa parte teórica e técnica à um olhar apurado e sensível.

Ricardo Lima - jornalista formado pela PUC - Campinas e fotógrafo. É o idealizador do Festival Hercule Florence de Fotografia e é membro fundador da Rede de Produtores Culturais da Fotografia no Brasil (RPCFB). Atuou na diretoria da Arfoc e é diretor de Cultura do Campinas e Região Convention & Visitors Bureau.





Uma aula aberta os participantes terão contato inicial com os fundamentos básicos da fotografia, manuseio do equipamento e despertar o olhar para produzir imagens com qualidade.

Rodrigo Verona - biólogo, pós-graduado em Pedagogia, mestre em Evolução. Fotógrafo em ensaios gestante, pré-wedding, empresarial. 2º lugar no concurso fotográfico Edson Baffi 2013. Fotografia premiada e publicada em livro no Prêmio URBS, Curitiba-PR, 2014.
Várias fotografias vendidas para revistas internacionais.





Caminhada fotográfica para explorar e registrar as belezas naturais da cidade.

Ponto de encontro:
Quinta do golfe
Av. Waldemar Haddad, s/n - Jardim Moyses Miguel Haddad, São José do Rio Preto

Com Gabriela Moré Zuri e Rodrigo Verona - docentes do Senac.








Os docentes Milton Mansilha e Matheus da Costa ensinam aos alunos a técnico de animação chamada Stop Motion. A oficina será divida em 2 partes, sendo a primeira uma prática fotográfica e a segunda, a montagem dessas imagens em um laboratório de informática.

Stop Motion (que poderia ser traduzido como “movimento parado”) é uma técnica que utiliza a disposição sequencial de fotografias diferentes de um mesmo objeto inanimado para simular o seu movimento. Essas fotografias são chamadas de quadros e normalmente são tiradas de um mesmo ponto, com o objeto sofrendo uma leve mudança de lugar, afinal é isso que dá a ideia de movimento.

Cientificamente falando, o Stop Motion só é compreendido como movimentação pelo fenômeno da Persistência Retiniana. Ele provoca a ilusão no cérebro humano de que algo se move continuamente quando existem mais de 12 quadros por segundo. Na verdade, o movimento desta técnica cinematográfica nada mais é que uma ilusão de ótica. - fonte: Tecmundo.

Matheus da Costa Gonçalves - artista plástico com Licenciatura em Artes Visuais e pós-graduação em Design Digital e Novas Mídias. Já atuou com designer, Comunicação Visual e design de embalagens de brinquedos. É docente no Senac Tatuapé e atua como artista plástico, designer e fotógrafo.

Milton Leonardo Romera Mansilha - Bacharel em Fotografia pelo Senac, mestre em Artes Visuais pela Griffity University. Atuou com fotógrafo para a Agencia Luz, Estadão, Agencia Brasil, Sebrae SP entre outros. Foi editor da revista Custom Tattoz, Australia. Atualmente trabalha com audiovisual e é docente do Senac Tatuapé.





Atividade voltada a interessados em fotografia de arquitetura e interiores, na qual serão abordadas as técnicas e conceitos básicos de captação e tratamento de imagens. Haverá uma visita fotográfica ao Sesc Belenzinho.
Há necessidade de conhecimentos básicos sobre operação manual do obturador e do diafragma.

Leandro Andrade e Silva - formado em Fotografia Aplicada pela pelo Senac. Atua no mercado editorial e publicitário há mais de 10 anos e leciona nos cursos de Formação Técnica e Básica em Fotografia do Senac Tatuapé.





Os participantes vivenciarão uma saída fotográfica nos arredores da unidade do Senac de acordo com os moldes do Coletivo Rolê acompanhados de alguns de seus integrantes. O tema será livre, sendo possível que os participantes fotografem em função do tema "cultura da paz".

Coletivo Rolê - com quase 15 anos, o coletivo conta com amantes da fotografia de rua. O grupo organiza saídas fotográficas ao anoitecer de forma orgânica e informal. O grupo é diverso, com várias áreas criativas, fotógrafos amadores e profissionais, alguns deles formados no Bacharelado em Fotografia no Senac.





A importância das memórias impressas, dicas de Diagramação do seu Álbum no D- Book.

Ediraldo Monteiro - formado em Literatura Brasileira pela Universidade Capital, trabalha como Supervisor Comercial da Digipix S/A desde 2009.





A fotografia Newborn é uma febre entre as novas mães. A ABFRN (Associação Brasileira de Fotógrafos de Recém-Nascidos) indica:
Recomendamos que o agendamento da sessão de fotos no estilo "Newborn" seja feito algumas semanas antes do nascimento, pois o período para o registro das imagens é muito curto. O ideal é a escolha de uma data entre o quinto e 14º dia de vida, quando os bebês são mais maleáveis, apresentam sono profundo e as cólicas ainda não afetam o descanso dos pequeninos.
Em média, um ensaio dura entre três e quatro horas, dependendo do fotógrafo e das pausas do bebê para mamar, trocar as fraldas, etc. Lembramos que esta é uma experiência única e por isso a sessão deve ser realizada sem pressa, no ritmo do bebê. (fonte http://abfrn.com.br/ ). Esses e outros temas desta vertente fotográfica serão tratados durante a palestra.

Nana Rodovalho - tem graduação em psicologia pela PUC-BH, com experiência na área de Recursos Humanos. Por meio do curso Técnico em Processos Fotográficos do Senac, juntou sua paixão pela fotografia com o seu amor pela maternidade e, capacitando-se em workshops com fotógrafos renomados, se especializou em fotografia de recém-nascidos, bebês e gestantes, criando assim o Estúdio Materna.





Thiago Bernardes, proprietário da FramePhoto apresenta seu trabalho como fotojornalista com mais de 15 anos de experiência. Suas principais coberturas fotográficas foram as duas últimas Olimpíadas, a última Copa do Mundo e os Jogos Pan-Americanos bem como os mais diversos assuntos contemporâneos. Suas imagens alimentam agências nacionais e internacionais. Em um segundo momento o palestrante fará a leitura do portfólio dos inscritos na palestra.

Thiago Bernardes - experiência em coberturas esportivas, retratos, viagem, corporativo e publicidade, com trabalhos nos maiores veículos do país e internacionais em grandes corporações e industrias. Em 2011 criou a FramePhoto Agência Fotográfica, com cobertura diária de notícias nacionais e internacionais.


Informações: 4090-1030 para capitais e regiões metropolitanas
e 0800-883-2000 para demais regiões ou pelo Fale Conosco


Copyright © 2007-2016.
Todos os Direitos Reservados.